sábado, 24 de junho de 2017

TEUS ANJOS NÃO VIRAM NADA!



... massa
de tomate nos peitos,
admirando um pau duro na web can,
uma faca de serra passando
por ali como se cortasse,

um estranho
orgasmo fantástico;
o cão, vendo e gemendo,
masturbava-se;

escondida
e silentemente chorava
a humana imanência e mortalidade
que ali se revelava

à luz
de estranhos desejos
e insanos coágulos

fermentados!