quinta-feira, 27 de dezembro de 2018

SOMBREADO!

Eu ainda me lembro de ti.
Está frio e totalmente seco em meu deserto
vazio.

E o frio, e a dor,
e a angústia e a saudade me trazem
de volta lembranças que ficaram
trancadas naquela cabaninha
do deserto.

E foi aí que me tornei
meu próprio inferno, sempre cultivando,
solitariamente, até as mais pequenas  cicatrizes
com meus cansados

e suados versos!