sexta-feira, 28 de dezembro de 2018

FOMOS ONDE NINGUÉM MAIS FOI!

... ler-te acende
ainda mais minhas sombras,
baby espelho meu,

e o teu reflexo,
assim tão branco,
assim tão distraidamente sedutor,
assim tão puro,

desde
a um remoto passado,
do qual não mais te lembras,
em que nos amávamos em céus

distantes!