segunda-feira, 2 de julho de 2018

CONSTATAÇÃO!

Tudo sobre ti
foi meio fantasia, meio idealismo,
meia realidade,

meia verdade,
meia mentira, meio conto
de fadas,

meio mar,
meu céu, meia floresta
meio deserto amargo;

sim, tudo sobre ti
foi meio dia, meia noite,
meia presença, meia ausência,
meio júbilo, meio silêncio.

“Vai com cuidado, Thor!”,
eu me dizia silentemente a mim mesmo:
“Tudo nela é meio luz, meio sombra
como se ela fosse uma fábrica
de sonhos e de bombas!”