sexta-feira, 7 de julho de 2017

A NOITE DE ASAS ABERTAS

... chove lá fora,
aqui dentro também
chove

solitário,
triste,
frio;

e nenhum
sol que ainda circunda
os dias

ajuda
mais a amenizar a angústia
e a dor deste rio;

e é assim
que me vou morrendo
sufocado

no meio
neste mundo de coisas
nenhumas!